Vítima foi agredida na região da cabeça. (Foto: Arquivo pessoal)

 

Uma mulher de 35 anos foi vítima de agressão após sair de uma casa noturna em Itaperuçu, na região metropolitana de Curitiba, na última sexta-feira (1). O caso foi denunciado à Banda B nesta segunda (4) pelo irmão da vítima, que preferiu não ser identificado.

Segundo ele, a irmã saiu da casa onde mora, em Colombo, depois de um desentendimento com o marido, e decidiu ir até a boate na cidade vizinha. “Ela deixou a casa noturna durante a madrugada, bastante embriagada, e disse que perdeu o sentido. Quando acordou, estava dentro de um carro branco, com um cara entre as pernas e tirando a roupa”, contou ele em entrevista à reportagem.

Nesse momento, a vítima se assustou e tentou empurrar o agressor, mas ele apertou o pescoço dela com as mãos, até que ela perdesse os sentidos. “Ela relatou que desmaiou e só acordou de manhã, em uma região de mata, coberta por lixo e capim, no Bairro 37, perto da linha do trem. Acho que o cara acreditou que havia matado a minha irmã e a abandonou ali. Só que ela acordou e conseguiu pedir ajuda”, completou o irmão.

De acordo com ele, a mulher foi espancada e levou muitos chutes na cabeça. “O suspeito também levou o tênis dela. Algumas pessoas afirmaram que viram um catador de latinha gritar com o agressor ali onde ela foi deixada e nós estamos atrás desse homem para mais informações. Também queremos ter acesso às imagens das câmeras de segurança da casa noturna”, finalizou.

A vítima foi socorrida ao hospital com ferimentos graves, onde permaneceu internada até hoje. Ainda desorientada, ela disse ter suspeitas de quem seria o autor do crime, mas que isso ainda precisa ser apurado.

Um Boletim de Ocorrência foi registrado (B.O.) sobre o caso, que deve ser investigado pela Polícia Civil.

IMAGENS FORTES

Confira abaixo imagens que mostram o rosto da vítima após a agressão:

(Fotos: Arquivo pessoal)