Uma mulher de 45 anos foi presa em flagrante após ferir o namorado de 40 com três facadas, na manhã desta terça-feira (6), no bairro Santa Felicidade, em Curitiba. Na delegacia, a detida disse que o namorado estava drogado e tentou agredi-la por ciúmes, então teria agido em legítima defesa.

“Toda vez que ele usa drogas, aparece lá. Foi por volta das 6h30 da manhã, não lembro exatamente o horário, só sei que estava de dia. Ele disse que se eu não abrisse o portão, ele entraria. Então, eu abri e ele entrou. A gente estava de boa, mas, de repente, ele começou a gritar e pegou no meu pescoço dizendo que se eu o traísse ele me matava”, comentou.

 

Ferimentos da mulher na perna. Foto: Reprodução

 

 

Neste momento, a namorada afirmou que gritou e pediu ajuda ao filho, de 12 anos, que também estava na casa. No entanto, ele não desceu porque, segundo a mãe, ‘ele já conhecia o rapaz’. “Então, eu falei que ia tomar água. Mas, na verdade, na cozinha peguei a faca e fui em cima dele. Eu não sei onde acertei, eu peguei a faca na hora e fui em cima dele na cama”, comentou.

Polícia

A mulher explicou ainda que o namorado fugiu para a própria casa dele depois de um tempo. Então, ela foi atrás para conversar. “Ele trancou o portão quando entrou na casa. Eu pulei para falar com ele. Então, ele chamou o irmão e disse que eu estava tentando matá-lo. O irmão dele me deu uma chave de pescoço e chamou a polícia”, continuou.

Questionada se realmente queria matá-lo, a namorada disse que não sabe se queria o deixar ferido. “Eu só sei que queria me livrar daquilo que estava me atormentando. Na hora da raiva, eu não pensei nisto. Ele estava apertando o meu pescoço e infernizando a minha vida ao dizer que não podia ficar com ninguém, me falou um monte de coisa”, pontuou.

 

O Siate do Corpo de Bombeiros foi acionado para socorrer o rapaz. Foto: Colaboração

 

O homem foi levado ao Hospital Evangélico e, em um primeiro momento, está fora de perigo. Por sua vez, a namorada foi levada à Central de Flagrantes.