A Polícia Civil de Mongaguá, na Baixada Santista, investiga um crime de estupro praticado contra uma mulher de 27 anos que, no momento do ataque, estava acompanha do filho de três anos. A informação foi divulgada pelo portal de notícia G1 e confirmado pela Folha. O crime foi registrado na última quinta-feira (27) e, até agora, ninguém foi preso.

Conforme informações da polícia, a jovem relatou que caminhava acompanhada pelo filho quando um homem, de bicicleta, a abordou com um punhal em mãos.

mulher-estuprada-frente-do-filho
A SSP (Secretaria da Segurança Pública) informou que o caso corre em sigilo e que o criminoso está sendo procurado – Foto: Reprodução/Polícia Civil

De forma violeta, o criminoso puxou a vítima pelos cabelos até uma viela. Lá, o homem abaixou a calça dela e a violentou.

Após o crime, o homem obrigou a jovem entregar a nota de R$ 50 que ela carregava e, também, que ela fosse embora sem olhar para trás. O criminoso foi embora.

A criança nada sofreu. Conforme informações do G1, a ela permaneceu no colo da mãe no momento do estupro e ficou chorando ao perceber as agressões à mãe.

A vítima foi encaminhada para o hospital para receber os atendimentos protocolares para casos de estupros, como medicações.

A jovem foi encaminhada ao IML (Instituto Médico Legal) para realizar exame de corpo de delito e coleta de material biológico do criminoso.

Procurada, a Secretaria da Segurança informou que “o caso mencionado é investigado pela Delegacia de Mongaguá, em segredo de Justiça”.

“A autoridade policial prossegue com as diligências para identificar e localizar o suspeito. Demais detalhes serão preservados devido à natureza da ocorrência.”

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Mulher é estuprada na frente do filho de 3 anos em São Paulo

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.