A morte de Raynanda Mineiro, de 34 anos, pode ter sido motivada por ciúmes. A mulher trans foi assassinada a facadas dentro de casa, no bairro Jardim Guarani, em Colombo, nesta segunda-feira (22). No local, conforme apurou o repórter Djalma Malaquias, a polícia não descartava o crime passional.

raynanda mineiro
Reprodução Redes Sociais

Vizinhos relataram que ouviram gritos de ‘socorro’ antes de encontrar a vítima caída no chão, com vários ferimentos e muito sangue.

“Os vizinhos ouviram os gritos e me falaram. Eu liguei para minha irmã, pra ela poder ver o que estava acontecendo. A minha irmã veio e encontrou ela morta. Eu cheguei depois e não quis entrar. Minha irmã disse que havia muito sangue”, disse uma amiga que morava com a vítima há quatro anos.

Raynanda era natural de São Luís, no Maranhão, e vivia há anos na região de Curitiba. Segundo as publicações nas redes sociais, ela estava em um relacionamento desde junho do ano passado. Não há informações se o companheiro seria o autor do crime.

“Não tenho a mínima ideia. Ela nunca se queixou para gente de violência. É uma tristeza muito grande”, lamentou a amiga.

Até a publicação desta reportagem nenhum suspeito havia sido encontrado.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Morte de mulher trans a facadas em Colombo pode ter sido motivada por ciúmes

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.