Por Elizangela Jubanski e Roberto Romanowski

antibombas-cicSacola foi encontrada por morador. Foto: RR/Banda B

Alguns moradores da Vila Barigui, na Cidade Industrial de Curitiba, foram impedidos de entrar nas residências, na noite desta quinta-feira (31), depois de uma suspeita de bomba no local. Uma denúncia anônima sobre uma sacola abandonada no local levou policiais do Esquadrão Antibomba até a rua Segismundo Gradowski. A sacola não precisou ser detonada.

A denúncia anônima indicava que dentro da sacola havia bananas de dinamites deixada por criminosos. O Esquadrão foi acionado e a área foi isolada, por volta das 19h. Assim que começavam a chegar na Vila Barigui, moradores foram impedidos de entrarem nas casas por medida de segurança.

antibombas-cic-dentroMoradores voltaram às casas por volta das 23h. Foto: RR/Banda B

Os policiais especialistas usaram um braço mecânico para retirar a sacola com o suposto explosivo. O material foi levado até um matagal no final da rua para que, caso tivesse necessidade de detonação, acontecesse longe dos moradores.

O tenente Moreira do 23º Batalhão de Polícia Militar (BPM) contou à Banda B os procedimentos adotados nesses casos. “Um morador foi quem encontrou a sacola e ligou para a polícia. Fomos até lá para ver se a suspeita se confirmava. Em alguns casos usamos contra-carga para que haja detonação controlada”, contou.

Os policiais abriram a sacola e encontraram baterias acopladas no artefato, além de fios elétricos visíveis. Perto das 23h, o Comando de Operações Especiais (COE) informou que não existiam explosivos no material encontrado. A área foi liberada logo depois e os moradores puderam entrar nas residências.