Caixas encontradas no quintal da casa. Foto: PM/PR

 

Um recente morador do bairro Canguiri, em Colombo, na região metropolitana de Curitiba, foi morto por policiais da Rondas Ostensivas de Natureza Especial (Rone), da equipe do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), dentro de casa, na noite desta terça-feira (19). Policiais foram até o local checar a existência de várias caixas de cigarro, suspeitas de serem fruto de roubo de cargas. O morador teria resistido à prisão e, por isso, foi baleado e morto. O homem vivia na casa com a família, mas não há detalhes se eles presenciaram a morte do homem.

Arma e outros objetos encontrados na casa. Foto: PM/PR

Segundo polícia, houve uma denúncia anônima sobre as caixas no quintal da casa, na rua Pedro Berlesi com Pedro Gonçalves dos Santos. Assim que policiais entraram na residência, o morador tentou fugir pelos muros das casas vizinhas. A versão da polícia é que ele atirou e houve revide que o atingiu fatalmente. O Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate) foi acionado, mas o homem não resistiu aos ferimentos.

Uma vizinha que acompanhou o trabalho da polícia disse que a família havia se mudado para o local há pouco tempo. “A gente não sabe nem o nome deles, fazia pouco tempo que estavam aqui. Que eu saiba eles compraram essa casa, aí morava ele, a esposa e os dois filhos parece”, contou.

No local, a polícia não quis conceder entrevista. O corpo do homem foi recolhido ao Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba. Foram apreendidas cerca de 808 caixas de cigarro e uma pistola Glock calibre .380. A Corregedoria da Polícia Militar acompanha o caso.