Um militar do Exército, de 19 anos, foi preso após ser flagrado embalando drogas em um apartamento na tarde desta quinta-feira (10), na Cidade Industrial de Curitiba. Além do jovem, outro suspeito que seria seu patrão também foi preso.

Policiais da Rone (Rondas Ostensivas de Natureza Especial) faziam patrulhamento pela região quando, próximo à rua Pedro Gusso, perceberam que um rapaz ficou nervoso ao ver a viatura. “O indivíduo foi abordado e inicialmente forneceu um nome falso à polícia, o do irmão, que não tinha nenhuma passagem”, afirmou o cabo Maicon, da Rone.

Durante os questionamentos, o suspeito teria errado o nome da mãe e a data de nascimento. “Depois disso, ele confessou o verdadeiro nome e descobrimos que tinha quatro mandados de prisão em aberto em seu desfavor”, disse o cabo. As ordens judiciais têm relação com homicídios, tráfico de drogas e roubo.

Na sequência, o homem teria confessado aos policiais que tinha drogas em casa. Já no apartamento, próximo ao local onde foi abordado, a polícia encontrou o militar do Exército cortando e embalando as drogas.

O local, que segundo o cabo teria apenas uma mesa com drogas e um colchão, era destinado exclusivamente ao tráfico.

“Foi dada voz de prisão e ele informou o comando ao qual pertence. Um capitão esteve acompanhando a situação e ele responderá pelo ato dentro da esfera militar do Exército também”, mencionou Maicon.

O jovem, que seria funcionário do suspeito abordado por primeiro, estava no Exército havia cerca de nove meses.

Ao todo, 6 kg de maconha; 1,4 kg de cocaína; 400 g de murruga e; muitas pedras de crack foram apreendidas.