Um metalúrgico foi encontrado morto em uma pensão após uma semana sem entrar em contato com a proprietária do local, na manhã desta segunda (10), em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Ele estava caído no banheiro do lugar onde era inquilino e, segundo a Polícia Militar, não havia sinais de violência. A PM informou apenas que havia indícios de que a vítima tenha ingerido bebidas alcoólicas e medicamentos juntos, o que só poderá ser comprovado com exames posteriores.

Dona da pensão não conseguia falar com Gilmar há uma semana. Foto: Banda B

 

A dona da pensão informou à PM que Gilmar Antonio Rodrigues, de  58 anos, não foi mais visto desde o dia 3 deste mês. Sem conseguir se comunicar com ele, foi até o quarto e encontrou o inquilino morto. A Polícia encontrou medicamentos na pensão e soube que a vítima ingeria muita bebida alcoólica, o que indica, segundo a PM, que Gilmar pode ter feito a mistura das duas coisas.

O genro da vítima, Delmar de Alcantara, contou à Banda B que o metalúrgico havia se separado da família há algum tempo e estava morando sozinho nesta pensão. Ele conta que o sogro gostava de sair a noite e tinha problemas com bebidas. Ele também acha que a mistura com medicamento pode ter ocasionado a morte de Gilmar. “Medicamento e bebida alcoólica não combinam. Ele estava afastado, mas era uma vida. Não queremos nenhum tipo de mal. É lamentável”, desabafa.

O corpo da vítima foi encaminhado ao IML para ser examinado e revelado a casa da morte.