Um malabarista de rua de 28 anos morreu no fim da tarde desta terça-feira (12), em Paranaguá, no litoral do paraná, após uma briga. O suspeito pelo crime era cunhado dele. Ele foi preso em flagrante e disse que apenas tentou defender a irmã, namorada da vítima, durante uma briga do casal.

Médicos do SAMU tentaram reanimar a vítima, que não resistiu – Reprodução redes

O crime ocorreu no sinaleiro do Hospital Regional em Paranaguá. A vítima levou uma facada no peito e, apesar de tentativas de reanimação da equipe médica, não resistiu e morreu ainda na calçada.

Testemunhas relataram que o malabarista, que não foi identificado oficialmente e era conhecido na região como “Palhaço”, teria se desentendido com a namorada por causa de um tubo de cola. O irmão entrou na briga e esfaqueou o cunhado. Todos seriam usuários de droga.

A vítima era de Ponta Grossa e estava em Paranaguá fazendo apresentações de rua com malabares.

O autor foi preso em flagrante e encaminhado a 1°SDP.