Por Marina Sequinel

A jovem Jéssica Bruna Flor, de 22 anos, está desaparecida desde a manhã de sexta-feira (26), em Castro, na região central do estado. Ela é a mãe da menina de seis anos que teve 70% do corpo queimado em um acidente doméstico em Colombo, na região metropolitana de Curitiba. O caso aconteceu no último dia 25.

jessica2Jéssica está desaparecida desde a manhã de sexta-feira. (Foto: Reprodução)

Segundo a família, Jéssica mora em Castro e havia deixado a filha aos cuidados da irmã em Colombo. “Na sexta-feira pela manhã, o marido dela a embarcou em um ônibus porque ela disse que precisava ir a uma consulta médica em Ponta Grossa. No sábado, quando o meu cunhado foi buscá-la, para trazê-la para Curitiba ver a filha no hospital, ela não estava mais lá, não tinha voltado”, contou Lenir Flor Lauriano, irmã da jovem, em entrevista à Banda B.

A família está desesperada, porque não tem pistas de onde Jéssica possa estar. De acordo com Lenir, no sábado, ela mandou uma mensagem para uma prima dizendo que seguiria para Curitiba para visitar a filha. “A última vez que ela viu o WhatsApp foi às 12h45 no sábado. Nós ligamos para o telefone dela, mas só cai na caixa postal. Estamos muito preocupados, principalmente pela criança, que está em estado gravíssimo e precisa da mãe”, completou ela.

Um Boletim de Ocorrência foi registrado em Ponta Grossa sobre o desaparecimento da jovem. Qualquer informação sobre o paradeiro dela pode ser repassada para a família por meio do (41) 9543-6983.

O caso

A menina de seis anos estava em casa com a babá, no bairro Alto Maracanã, quando o acidente doméstico aconteceu. A babá e a criança tentavam acender um fogão a lenha com álcool quando ele explodiu e atingiu a pequena.

Ela teve 70% do corpo queimado e está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Pequeno Príncipe, em Curitiba.

Notícia relacionada

Menina de seis anos que estava em casa com babá tem 70% do corpo queimado