Eduardo foi preso em Foz do Iguaçu (Foto: Banda B)

 

A Justiça decretou, nesta quarta-feira (7), a prisão de mais três envolvidos na morte do jogador Daniel Correa Freitas, de 24 anos. Até o momento, o primo de Cristiana Brittes, Eduardo Henrique Ribeiro da Silva, de 19 anos, foi o único detido. Ele foi preso em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná.

Os outros dois jovens que tiveram prisão preventiva decretada são: David Willian Villero Silva, de 18 anos, e Igor King, de 20. Os três confessaram que estavam no carro que levou o corpo de Daniel até a Colônia Mergulhão, em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba.

Eduardo, David e Igor já haviam se apresentado à polícia no início da semana.

A Polícia Civil optou por não ouvi-los na segunda-feira (5) porque queria ouvir a família Brittes primeiro. Edison Brittes Junior, de 38 anos, Cristiana Brittes, de 35, e a filha Allana Brittes, de 18, estão presos na Delegacia de São José dos Pinhais desde o dia 1º. Os três já foram interrogados pela Polícia Civil.