A ex-namorada do jovem que foi perseguido e esfaqueado em novembro deste ano, na Praça Rui Barbosa, no Centro de Curitiba, foi presa preventivamente sob a suspeita de ser mandante do crime. A mulher foi presa na última sexta-feira (11), também no Centro da capital paranaense.

Câmeras de segurança foram analisadas e testemunhas foram ouvidas para identificar os criminosos. De acordo com a Polícia Civil, outros dois envolvidos estão foragidos.

O motivo do ataque contra o jovem estaria ligado a uma promessa de vingança feita pela mulher presa, após ele supostamente tê-la traído enquanto namoravam.

Segundo a polícia, a vítima foi perseguida e golpeada com uma faca pelos foragidos. O jovem foi socorrido ao hospital e não há informações sobre seu atual quadro de saúde.

A ex-namorada responderá por tentativa de homicídio.

Crime

A vítima foi internada em estado gravíssimo após o esfaqueamento que aconteceu na noite de uma quarta-feira, no dia 11 de novembro deste ano. O Corpo de Bombeiros fez o primeiro atendimento e o encaminhou ao hospital.

Foto: Banda B

Na data, foi informado à Banda B que três pessoas haviam participado da tentativa de homicídio. Porém, a polícia afirma que foram dois.

Segundo testemunhas que conversaram com a reportagem no local, ele teria entrado em uma farmácia perto da praça e sido esfaqueado dentro do estabelecimento.

“Eu estava comendo um lanche aqui perto do meu prédio, quando de repente vieram três homens. Um deles estava armado e perseguiam outro que estava correndo. Eles diziam que iam matar esse homem porque eu ouvi. Quando alcançaram, começaram a esfaqueá-lo. Foi muito feio”, descreveu uma testemunha, em entrevista à Banda B, naquela noite.