Por Elizangela Jubanski e Roberto Romanowski

O jogo da final da Copa do Brasil na noite desta quarta-feira (27) foi interrompido a tiros dentro de um bar no Jardim Graziela, em Almirante Tamandaré, na região metropolitana de Curitiba. Dois homens foram baleados por um atirador desconhecido e foram socorridos pelo Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate). Paulo André Góis Campagnone, 34 anos, está com o estado de saúde estável. Já Anderson Kadena Maia, 19 anos, está em estado grave.

De acordo com testemunhas, o jogo entre Flamengo e Atlético-PR tinha acabado de começar quando o atirador apareceu dentro do bar, que fica na rua Áustria. Um grupo de pessoas estava reunido viu a ação do bandido, mas não souberam informar características específicas do homem.

Embora o ferimento na coxa de Paulo André tenha sido grave, ele estava consciente e não corre risco de morte. Já Maia foi atingido na barriga e está em estado grave. Ambos foram encaminhados ao Hospital Evangélico, em Curitiba.

“Que situação complicada. Não temos muitas informações sobre o que poderia ter motivado. E bem no começo do jogo, imagina no final”, disse o soldado Garret do Siate à Banda B. A Delegacia do município investiga o caso.