Do Portal Extra

Pedro Luiz Diogo Oliveira, de 23 anos, apontado pela Polícia Civil como responsável pela morte da irmã, a produtora de elenco Maria Luana Diogo Oliveira, tinha um plano de fuga, de acordo com os policiais da Divisão de Homicídios (DH) que investigam o caso.

(Foto: Reprodução)

Ao prender Pedro, em flagrante, em uma casa da família no Lins de Vasconcelos, na Zona Norte do Rio, policiais encontraram uma nota fiscal referente a compra de materiais que indicavam que ele pretendia ficar bastante tempo em casa. O irmão, que é considerado o único suspeito do caso, também deixou bilhetes para a polícia, pedindo que os responsáveis pelo crime fossem encontrados, sem, no entanto, comunicar a ocorrência.

Em depoimento após ser preso, Pedro afirmou que frequenta uma seita secreta, e disse considerar que todos que não fazem parte dela são “impuros” e merecem ser eliminados.

Para ler a matéria completa no Portal Extra clique aqui.