Dois homens foram sequestrados e assassinados a tiros na madrugada deste domingo (17). Os corpos foram encontrados em uma área de mata, na rua Bálsamo, no bairro Eucaliptos, em Fazenda Rio Grande, na Região Metropolitana de Curitiba.

sequestrados
Foto: Colaboração / Cristiano VAZ

A polícia acredita que a execução pode ter relacionamento com o tráfico de drogas ou até mesmo um acerto de contas. Segundo o perito Elmir Machado, da Polícia Científica, as vítimas foram amarradas com materiais plásticos.

“Os dois jovens, com cerca de 18 a 25 anos, estavam com material plástico amarrado nas mãos e na cabeça também. Tanto um quanto o outro foram executados com vários disparos de arma de fogo no peito e na cabeça. Coletamos calibre nove milímetros e ponto 40. Foi encontrado também um cobertor com sujidades de sangue, que deve ter sido utilizado no traslado deles para cá. Foram executados aqui no local mesmo, pela grande quantidade de sangue que tem junto as vítimas”, relatou.

Os rostos dos sequestrados foram cobertos. Tática normalmente usada para que as vítimas não saibam o caminho feito pelos bandidos caso sobrevivam. A primeira suspeita é que os dois tinham envolvimento com o tráfico de drogas. Um deles era monitorado por tornozeleira eletrônica, mas, na hora do crime, o dispositivo já tinha sido rompido.

“Um deles utiliza tornozeleira eletrônica, só que ela estava desativada. O local é um final de rua, uma área de mata, um lugar muito bom para realizar o serviço que eles fizeram”, disse Machado.

Nenhuma das vítimas foi identificada na cena do crime.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Homens são sequestrados e mortos a tiros em Fazenda Rio Grande

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.