Um homem de 39 anos suspeito de ter estuprado os três filhos foi preso no sábado (15) em Curitiba em uma ação conjunta das Polícias Civis do Distrito Federal e do Paraná. Ele estava foragido desde 2022, quando teve a prisão preventiva decretada.

As crianças tinham de 3 a 6 anos quando os abusos ocorreram, de acordo com os investigadores.
Os crimes teriam acontecido em Guará, no Distrito Federal, de 2014 a 2018. Segundo as investigações, além dos estupros, o homem obrigava os filhos a assistirem filmes pornográficos e reproduzir as cenas.

crime-violencia-criança
Campanha contra abuso sexual contra crianças – Foto: Reprodução/Fundação Abrinq

As investigações começaram após a criança mais velha contar para a mãe o que tinha acontecido. A mulher procurou a polícia. Assim que soube da denúncia, o suspeito fugiu.

A investigação liderada pela Delegacia Especial de Proteção à Criança e ao Adolescente do DF, que descobriu que o homem estava escondido na região metropolitana de Curitiba, onde foi localizado e preso. Ele foi levado para Cadeia Pública de Araucária (PR). Ele deve ser transferido para Distrito Federal.

Se condenado, ele pode pegar de 40 a 60 anos de prisão pelos estupros e maus-tratos, segundo a Polícia Civil.

De acordo com dados do SUS (Sistema Único de Saúde) divulgados pela ministra Cida Gonçalves (Mulheres), em 2022, o Brasil registrou cerca de 75 mil casos de estupro -o maior da série histórica, segundo dados do Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Seis em cada dez vítimas eram crianças de até 13 anos, 57% eram negras e 68% dos estupros ocorreram na residência das vítimas. Outro dado revela a gravidade deste cenário: em 64% dos casos, os autores eram familiares das vítimas. Ou seja, as principais vítimas de estupro no Brasil são meninas de até 14 anos, abusadas por seus familiares, como pais, avôs e tios.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Homem suspeito de estuprar três filhos no DF é preso em Curitiba

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.