(Fotos: Colaboração)

 

Um homem morreu após ser agredido na Vila Corbélia, na Cidade Industrial de Curitiba, no começo da tarde desta terça-feira (15). Ele foi encontrado ainda vivo, em estado gravíssimo, caído em uma valeta na Rua Professora Maria do Belém França, mas não resistiu aos ferimentos. No corpo, a polícia encontrou marcas de fogo na bermuda e na perna.

De acordo com o tenente Roberto, da Polícia Militar (PM), uma viatura foi acionada para atender a uma vítima de espancamento por duas pessoas. “Ao chegarmos no local, constatamos que o rapaz estava em uma vala, entre a vida e a morte. Após a agressão, os autores colocaram fogo no homem. Ele sofreu queimaduras no rosto e em partes do tórax”, contou ele em entrevista à Banda B.

Informações repassadas à polícia ainda dão conta de que os agressores teriam retirado a vítima de uma ocupação na Vila Corbélia e a levado até o local onde cometeram o crime. Até o momento, nenhum morador da região reconheceu o homem. Os assassinos fugiram e não foram localizados.

O corpo do rapaz deve ser recolhido ao Instituto Médico Legal de Curitiba. A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga o caso.