Um homem, de aproximadamente 45 anos, que fazia um serviço de reforma na fachada de um posto de combustíveis, foi morto a tiros por um motociclista, no início da noite desta quinta-feira (27). Há a suspeita de que a motivação do crime teria sido uma dívida de R$ 250 que a vítima tinha com o autor dos disparos. O estabelecimento fica na Wenceslau Carlos Glaser Neto , no bairro Atuba, em Curitiba.

(Foto: Daniela Sevieri/Banda B)

De acordo com um funcionário da vítima, o homem já vinha recebendo ameaças por conta da dívida. “Ele devia 250 reais para esse funcionário e acho que foi essa a motivação do crime. Ele também me devia 650 reais. Ontem, ele foi ameaçado com uma arma na casa dele, segundo a mulher dele contou”, disse ele.

Ainda segundo este funcionário, a vítima teria recebido novas ameaças no início da tarde desta quinta-feira.

O homem foi atingido por dois tiros, um na cabeça e outro no pescoço. O caso agora será investigado pela Delegacia de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP).