Um homem, de 26 anos, foi preso em flagrante, nesta quinta-feira (11), nas proximidades da rua Holanda, no bairro Cabral, em Curitiba, depois de tentar aplicar um golpe contra uma vítima que mora na região. Segundo informações da Polícia Militar, o golpista teria os dados do cartão de crédito da vítima e estaria tentando utilizá-lo para fazer compras. Quando percebeu que estava sendo alvo de um esquema criminoso, a dona do cartão avisou a polícia e se encontrou com o suspeito.

(Foto: Divulgação/Polícia Militar)

De acordo com o soldado Conke, do 20° Batalhão de Polícia Militar, o estelionatário teria ligado para a vítima informando sobre uma suposta compra feita com o cartão de crédito dela. “Alguém ligou para a vítima informando que houve uma compra em um estabelecimento comercial com o cartão de crédito dela e perguntando se ela reconhecia a compra. A dona do cartão informou que não, então o golpista disse que mandaria um motoboy, em nome do banco, para buscar o cartão. De alguma forma, esse pessoal já tinha os dados desse cartão e com ele em mãos iriam fazer compras”, explicou o soldado sobre como funcionava o golpe.

A prisão em flagrante só foi possível porque o alvo dos criminosos reconheceu o golpe por ter assistido pela televisão, poucos dias antes, uma notícia sobre o assunto e chamou a polícia. “A vitima teve coragem e inteligência de chamar a polícia no momento certo em que o motoboy chegasse. No encontro com o suspeito, ela entregou um cartão falso e conseguimos efetuar a abordagem. A dona do cartão nos informou que já tinha visto o golpe ser divulgado na televisão poucos dias antes”, disse Conke, que ainda relatou que quando viu a polícia, o homem levantou as mãos e confessou o crime, se identificando como golpista.

A Polícia Civil investiga o caso e o criminoso pode ser indiciado por estelionato.