Durante a madrugada desta terça-feira (10), dois jovens, ambos de 22 anos, foram presos em flagrante ao furtar um salas comerciais de prédio na região central de Curitiba. O inusitado, nesse caso, é que eles estavam entrando nos apartamentos de uma maneira pouco comum: utilizavam equipamentos de rapel e escalavam o local. Dessa forma, conseguiram acessar o 19º andar, quando foram percebidos, nas câmeras de segurança, pelo porteiro.

A Polícia Militar recebeu a ocorrência por volta das 4 horas. Ao chegar no local, os jovens estavam dentro de um apartamento com diversos computadores empilhados e uma caixa, com os equipamentos de rapel, como corda, luva e duas barras de metal, como explicou a tenente Esmaniotto, do 12º BPM.

Foto: Antônio Nascimento/Banda B

 

“O porteiro informou que não era apenas nesse andar que eles tinham invadido, que tinham tentado no 1º também.  Para conseguirem acessar esse apartamento, tiveram que pular uma janela, depois pular uma parede que ficava entre dois apartamentos”, descreveu.

No apartamento, os jovens arrombaram um cofre, filmaram a ação e mostraram à polícia. “A equipe encontrou um cofre arrombado. Eles filmaram a situação e depois apresentaram a polícia”, disse a tenente.

A PM também encontrou uma bolsa com bebidas alcoólicas, notebook e diversos materiais avulsos, como maquiagem e cílios postiço. “O próprio preso disse que estava levando esses produtos para a namorada”, acrescentou Esmaniotto.

Escalada

Os jovens já têm diversas passagens pela polícia e é a quarta vez que são flagrados escalando um prédio. “Nas últimas ocorrências, eles estavam com tintas e spray, para a prática de pichação. Além disso, uma equipe os encontrou no telhado de um prédio e eles disseram que estavam fazendo uma filmagem da lua, por volta das 2 horas”, relatou a tenente.

“Eles usam a experiência de rapel para poder invadir sem ser pela rua, ou seja, de um lugar que as pessoas não reparem”, completou.

Os jovens foram encaminhados à Central de Flagrantes.