Foto: Flávia Barros – Banda B

 

Um empresário do ramo da construção civil, de 64 anos, foi encontrado morto na tarde desta quinta-feira (7), dentro de uma casa do bairro Campo Comprido, em Curitiba. Ele era sócio de um empreendimento, que está em fase de conclusão, vizinho a sua residência. Segundo testemunhas, a vítima estava com mãos e pés amarrados e teve o carro roubado pelos criminosos.

O assassinato aconteceu na Rua Lourenço Bizinelli e quem encontrou o corpo dentro da residência foi a esposa da vítima. À Polícia Militar, ela comentou que o idoso tinha o hábito de caminhar no Parque Barigui e havia avisado que faria isso. “Foi a última vez que a vítima falou com ela, quando avisou que sairia para caminhar. Quando a esposa retornou para casa, encontrou ele morto com um tiro nas costas”, comentou.

Como o alarme do condomínio foi danificado, acredita-se que os bandidos possam ter entrado na residência por ali. Ainda não está claro se a vítima teria sido executada ou se pode ter sido vítima de um assalto, já que carro e celular foram levados.

Um sócio do empresário descreveu que a central de monitoramento do condomínio estava localizada na casa dele e era costumeiro que ele fosse verificar qualquer problema. Desta vez, os bandidos já teriam arrebentado os sensores de alarme e fugido também um gradil de proteção da tubulação de gás. “É tudo muito estranho. Nós já especulamos algumas coisas a partir de outros arrombamentos, mas cabe a polícia averiguar o que aconteceu”, comentou.

Com informações do possível paradeiro dos bandidos, a polícia tenta realizar um cerco contra eles. O helicóptero da Polícia Militar auxilia as buscas na região.

A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga o caso. A polícia pede ajuda para localizar o veículo Saveiro levado. A placa é BBM-2730. Qualquer informação pode ser repassada ao disque-denúncia da DHPP pelo telefone 0800-6431-121.