Por Juliano Cunha e Djalma Malaquias

triploDois homens e uma mulher morreram na hora; um está em estado gravíssimo no Evangélico. Foto: JC/Banda B

Foram mais de 50 tiros disparados na madrugada desta quinta-feira (22) contra um grupo de jovens na Vila Nova, em Colombo, região metropolitana de Curitiba. Três foram assassinados e um quarto jovem está gravemente ferido, com sete perfurações pelo corpo. Há indícios de que o crime esteja relacionado a um acerto de contas, segundo a Polícia Civil.

O triplo homicídio foi registrado em um beco na rua Rio Grande do Sul, na Vila Nova. O grupo de amigos estava na rua conversando quando aconteceram os disparos por arma de fogo. Não há informações se os atiradores estavam a pé, de carro e também se houve tiroteio entre o grupo. Bastante assustados, vizinhos disseram que foram disparados cerca de 50 tiros.

A Polícia Militar (PM) foi acionada e o Siate também. Apenas um dos amigos foi socorrido em estado gravíssimo ao Hospital Evangélico. Extraoficialmente, duas vítimas fatais foram identificadas como Eric Sebastian, 26 anos, e Fernanda Mansio, 24 anos, o terceiro de 25 anos está sem identificação oficial.

“As informações chegaram até a gente bem truncadas, como rua, bairro. Quando chegamos lá, vimos apenas um baleado e a comunidade contou que tinham outros três baleados, que já estavam mortos. O baleado estava com quatro ferimentos no pescoço, um no abdômen, tórax e joelho. Pessoal comentou que foram muitos tiros”, contou o sargento Jesus.

Os corpos das vítimas foram recolhidos ao Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba. A Polícia Civil da cidade investiga o caso.