Eletricista foi vítima de tocaia em Piraquara (Foto: Brasil Urgente – Band TV)

 

Um eletricista de 48 anos foi executado a tiros quando chegava para trabalhar em Piraquara, região metropolitana de Curitiba. O crime aconteceu por volta das 9h desta quarta-feira (27) na Rua Isidio Alves Ribeiro, na Planta Meireles. A motivação para a morte de Reinaldo Pontarolo seria passional.

Reinaldo teria sido vítima de um crime passional (Foto: Reprodução)

O subtenente Valdir Santos, da Polícia Militar (PM), contou à Banda B que quando a equipe chegou a vítima já estava morta. “Foram vários tiros e o Siate chegou a ser chamado, mas sem chances dele sobreviver. Um indivíduo veio a pé e disparou cinco vezes contra o homem, que chegava para trabalhar”, descreveu.

Reinaldo descarregava as ferramentas que seriam usadas em uma obra quando foi executado. “O que acreditamos é que seria um crime passional, por informações dadas pelo irmão da vítima. Seria por conta de uma ex-namorada dele, que estava casada com outro rapaz e os dois se separaram, reatando o antigo amor. O ex desta mulher seria o responsável pelos disparos”, explicou o superintendente Job de Freitas, da Delegacia de Piraquara.

Segundo o superintendente, a vítima não tinha passagens pela polícia. “Era trabalhador, o que realmente nos dá a entender essa motivação passional. Foi uma tocaia, com vários tiros disparados”, destacou.

O corpo de Reinaldo foi recolhido ao Instituto Médico Legal de Curitiba (IML).