Dois homem foram presos , na noite desta segunda-feira (9), em um bar no bairro Prado Velho, em Curitiba, após investigações do serviço de inteligência do 12ª Batalhão da Polícia Miltar (PM) indicarem que a dupla teria participado de um roubo avaliado em R$ 40 mil reais a uma loja de equipamentos para celulares, no Jardim Gabineto, na CIC, na última sexta-feira (6). Na residência de um dos suspeitos, ainda foram apreendidos 27 quilos de maconha.

(Foto: Colaboração)

O soldado Alexandrette, da PM, conta que todos os produtos roubados foram recuperados e que um dos suspeitos assumiu que seria o piloto de fuga no assalto à loja. “Na abordagem a um dos suspeitos, ele assumiu que seria o piloto de fuga na situação de roubo a uma loja de equipamentos de celular. Nesse mesmo bar, abordamos o outro indivíduo que ainda informou ter drogas em sua posse. Recuperamos os produtos do roubo e localizamos aproximadamente 27 quilos de maconha durante a ação”, disse o soldado.

Um dos suspeitos do assalto foi identificado graças a uma tornozeleira eletrônica. “O proprietário ficou bastante traumatizado com a situação, não só pelo valor dos produtos roubadas, mas pela forma violenta com que eles agiram. A Central de Monitoramento conseguiu rastrear um dos indivíduos, pois pela tornozeleira eletrônica que ele usava foi verificado que passou pelo local no momento exato do roubo”, disse o soldado.

Um dos ladrões que participou do assalto à loja continua foragido. Os dois suspeitos detidos já tem passagens pela polícia e agora estão à disposição da Justiça.