Da Polícia Civil

trio-panificadora(Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Três suspeitos de participarem de um roubo a uma panificadora foram presos na manhã da última sexta-feira (7) em Curitiba e nos municípios de Campina Grande do Sul e Colombo, na região metropolitana.

Os suspeitos foram identificados por uma equipe da Delegacia de Furtos e Roubos (DFR) após seis meses de investigação. Foram detidos Thiago Santos do Vale, de 21 anos, seu irmão Leandro Santos do Vale, 22, e outro comparsa, Wagner Flores Gomes, 30.

O assalto aconteceu no dia 11 de abril deste ano, no bairro Tarumã, quando três homens armados entraram no estabelecimento e renderam os funcionários e clientes. Todo o dinheiro do caixa foi levado pelos suspeitos.

Thiago foi preso no bairro Portão. Reconhecido pelas vítimas como um dos assaltantes, ele também aparece nas imagens das câmeras de segurança do estabelecimento entrando no local e rendendo os funcionários.

Já Leandro foi detido em sua casa em Colombo. Wagner também foi localizado em sua casa situada no município de Campina Grande do Sul.  Com ele, a polícia apreendeu uma espingarda calibre 28.

Leandro e Wagner eram funcionários da panificadora assaltada. Investigações constataram também que a dupla fornecia informações privilegiadas para os executores do roubo.

“A Polícia Civil também já identificou outro envolvido no assalto, porém o suspeito permanece foragido, as investigações seguem para encontrá-lo”, relatou o delegado-operacional da DFR, André Gustavo Feltes.

Thiago possui uma passagem criminal pelo delito de roubo. Já Leandro e Wagner não possuíam antecedentes. O trio responderá pelos crimes de roubo circunstanciado e por porte ilegal de arma de fogo. Se condenados, poderão pegar de sete a 17 anos de reclusão. Todos permanecem à disposição da Justiça.