Quatro homens se esfaquearam em uma confusão generalizadas depois de uma briga entre duas crianças por causa de uma bicicleta, na noite desta quinta-feira (12), no bairro Campo do Santana, em Curitiba.

A confusão aconteceu na rua Zilá Oliveira, por volta das 20 horas, durante uma confraternização política. O tenente Tozetti, do 13º Batalhão da Polícia Militar, contou que o início de tudo foi causado por uma briga banal entre crianças. “Estava acontecendo uma festa na praça, custeada por um político, não se sabe qual, quando duas crianças brigaram por conta de uma bicicleta. Uma discussão bastante banal, mas o pai de uma das crianças foi tomar satisfação com a outra criança e com os responsáveis, então houve um desentendimento maior”, explicou.

O tenente contou que, nesse momento, o pai de uma das crianças foi tirar satisfação armado de uma faca. “Esse homem foi até a casa dele, buscou uma faca, parecido com um punhal, e voltou para tirar satisfação com quem estava ali. Tinham muita criança, mulheres e, por isso, outras pessoas tentaram impedir esse homem de fazer qualquer tipo de ameaça ou agressão. Houve uma confusão generalizada, os três homens sofreram ferimentos, e também o homem que iniciou a confusão”, continuou.

Tanto o pai que se armou com a faca quanto os outros que tentaram impedir as agressões foram feridos. Os quatro homens precisaram de atendimento médico de urgência e internamento às pressas. “O estado de saúde deles é grave”, finalizou o tenente Tozetti.

Há a versão de que o homem armado com faca feriu os outros três e sofreu um linchamento por parte dos moradores. O caso segue investigado pela Polícia Civil.