Um carro de aplicativo, que transportava um casal de torcedores do Atlético-MG, foi depredado na noite deste sábado (17), na Rua Alferes Ângelo Sampaio, em Curitiba. A confusão aconteceu após a vitória do Athetico Paranaense sobre o Galo Mineiro na Arena da Baixada.

Reprodução WhatsApp

A Polícia Militar (PM) foi chamada e constatou que o veículo foi alvo de uma ‘chuva’ de pedras, que teria partido de torcedores organizados do Athletico. Bastante abalados, o casal e o motorista receberam atendimento no local.

Após a confusão, torcedores do próprio Furacão auxiliaram as vítimas e relataram o ocorrido à polícia.

Segundo o delegado Clóvis Galvão, da Delegacia Móvel de Atendimento a Futebol e Eventos (Demafe), o caso não foi repassado à unidade ainda, mas será investigado.

Não foi a única

Mais cedo, torcedores dos dois times entraram em conflito na saída do time visitante. O incidente aconteceu já no primeiro jogo após o fim da adesão do Athletico ao projeto-piloto ‘torcida humana’, em parceria com o Ministério Público (MPPR).

A Demafe informou que um jovem foi levado para a polícia para assinatura de termo circunstanciado.

A Polícia Civil investiga os casos.