Um agente penitenciário de 49 anos foi assassinado no início da tarde desta quarta-feira. O crime aconteceu na Rua Targino Silva, no Jardim Primavera, em Piraquara, região metropolitana de Curitiba. Quatro homens armados invadiram a casa de um agente penitenciário e o assassinaram enquanto tomava banho no início da tarde desta quarta-feira (12). O crime aconteceu na Rua Targino Silva, no bairro Jardim Primavera, em Piraquara, região metropolitana de Curitiba.

Agente penitenciário foi executado a tiros

 

Segundo o superintendente da delegacia de Piraquara, Sérgio Klaar, os assassinos invadiram a casa do agente penitenciário Lourival de Souza e a esposa testemunhou o crime. “Um ficou na rua e três entraram na casa. Renderam a esposa, estouraram a porta do banheiro e mataram o agente enquanto ele tomava banho”, descreveu à Banda B.

Relatos de amigos e colegas apontaram que Lourival recebeu, há um mês, ameaças de morte. Isto é apurado pela polícia. “Temos essas informações, mas nada de concreto ainda. Estamos já apurando tudo isso para saber se de fato realmente procede. Não descartamos a hipótese de ameaças de uma facção criminosa. Ele era bem quisto tanto por colegas de trabalho quanto aqui na região onde morava”, ponderou o superintendente.

De acordo com Klaar, os bandidos usaram um veículo Jetta, de cor preta, na fuga. Um carro com as mesmas características foi incendiado momentos depois do crime perto do Zoológico Municipal de Curitiba. O agente era funcionário do Departamento de Execução Penal do Paraná há 17 anos. Lourival foi inspetor na Penitenciária Estadual de Piraquara, a PEP 1. Atualmente estava lotado na Seção de Operações Especiais, o SOE.

 

Carro incendiado em Curitiba (Foto: Colaboração)