Por Luiz Henrique de Oliveira e Djalma Malaquias

(Fotos: Djalma Malaquias – Banda B)

Uma troca de tiros após o assalto a uma loja da SKY na Av. Rui Barbosa, no Centro de São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, terminou com um policial militar morto na manhã desta sexta-feira (27). O soldado Cléverson dos Santos, do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), de 40 anos, não resistiu após ser baleado no peito na troca de tiros com um dos bandidos. Além dele, o marginal também morreu depois de manter uma pessoa como refém e iniciar outro confronto com policiais.

cleversonSoldado Cleverson morreu na troca de tiros (Foto: Reprodução)

Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Militar (PM), o BOPE foi avisado do assalto em andamento e recebido a tiros por cinco homens armados. Um dos bandidos subiu pelo telhado de uma residência e, neste momento, atirou contra o policial, que foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. Outro PM levou um tiro na perna e não corre risco de morte. O bandido estava com uma pistola nove milímetros de mira laser.

Após a primeira troca de tiros, o bandido entrou em uma residência e manteve uma mulher como refém, até quando o BOPE invadiu a casa e o matou em confronto. A mulher foi retirada com vida e sem ferimentos.

O coronel Hudson, do Bope, disse que o tiro que matou o policial acertou justamente em um ponto não protegido pelo colete à prova de balas. “Ele estava equipado, mas infelizmente acertou justamente neste ponto do peito. Era um policial experiente, com dez anos de corporação. Estamos todos consternados”, lamentou.

Ainda segundo Hudson, a intenção agora é encontrar os outros quatro suspeitos de participarem do crime. “Vamos verificar as últimas ligações feitas por esse assaltante e localizar os envolvidos. Várias equipes da PM fazem buscas com o apoio do helicóptero da corporação. Acreditamos que o crime foi premeditado e que eles tinham informação sobre a circulação de dinheiro hoje na loja, talvez por conta do pagamento do 13° salário”, concluiu.

Notícias Relacionadas:

Antes de morrer em confronto, assaltante ligou para avó dizendo que tinha feito coisa errada

PMPR decreta luto oficial pela morte do soldado do BOPE que entregou a vida em defesa da sociedade