Uma advogada foi presa, no começo da tarde desta quinta-feira (3), após tentar entrar com meio quilo de maconha na Casa de Custódia de São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba.

Divulgação Depen

De acordo com o delegado Michel Carvalho, agentes penitenciários flagraram a profissional tentando entrar na cadeia com a droga e imediatamente chamaram a polícia. “Com a prisão, trouxemos a droga para a delegacia e confirmamos o peso de 550g. Nesse momento, todo o procedimento legal está sendo cumprido”, explicou.

Como a prisão envolve uma profissional do direito, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) acompanha todos os procedimentos.

O Ministério Público do Paraná (MP-PR) também foi chamado para acompanhar os atos. Segundo o promotor João Milton Salles, a nova Lei de Abuso de Autoridade exige um cuidado ainda mais especial em casos de prisão como essa. “A partir de agora, principalmente em razão da nova lei, a maneira de se abordar a situação é um pouco diferente em razão dos direitos do investigado. É muito difícil falar qualquer coisa hoje, sob o risco de os investigadores passarem a ser os criminosos”, criticou.

Detida, a advogada agora permanece à disposição da Justiça.