Luiz Fernando Leite, acusado de matar estrangulada a ex-esposa, Naiara Paula da Conceição Silva, vai a júri popular, decidiu a Justiça do Paraná nesta quarta-feira (1º). Naiara, de 29 anos, foi esfaqueada e estrangulada com um cabo de carregador de celular até a morte em abril, no bairro Santa Cândida, em Curitiba (PR).

Apesar da decisão da Justiça, ainda não foi definida uma data para o julgamento de Luiz Fernando, que segue preso desde abril. Na decisão sobre o julgamento, foi mantida a prisão preventiva do réu. O Ministério Público do Paraná (MPPR) o denunciou por homicídio triplamente qualificado.

Acusado de estrangular jovem com cabo de carregador até a morte vai a júri popular, decide Justiça
Foto: Reprodução

Segundo a delegada responsável pelas investigações em torno da morte da jovem, o suspeito tentou tirar a própria vida após o crime, mas foi socorrido a um hospital. Naiara foi encontrada morta no interior do apartamento em que morava, como mostrou a Banda B à época.

Um bilhete em que Leite culpava a vítima pela separação do casal foi deixado ao lado do corpo dela. Além disso, ele teria escrito que Naiara “voltaria para ele”.

Antes de morrer, Naiara deixou um caderno com anotações. Entre as metas, havia as intenções de finalizar a CNH (Carteira Nacional de Habilitação), empreender, comprar um veículo e voltar para a terapia.

A Banda B tenta contato com a defesa da família da vítima. O advogado que defende o réu preferiu não se manifestar.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Acusado de estrangular jovem com cabo de carregador até a morte vai a júri popular, decide Justiça

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.