Redação

trofeu1Três presos na operação hoje de manhã. Todos torcedores da Império – Foto: Banda B

A Delegacia Móvel de Atendimento ao Futebol e Eventos (Demafe) deflagrou na manhã desta quinta-feira (13) a Operação Themis para cumprir mandados de prisão e de busca e apreensão contra integrantes de torcida organizada do Coritiba. A ação policial acontece em Curitiba e Colombo, na Região Metropolitana. São quatro mandados de prisão, sendo que três deles já foram cumpridos, além de cinco mandados de busca e apreensão. Todos são torcedores da Império Alviverde Comando Leste. Eles vão responder por tentativa de homicídio contra torcedores do Atlético-PR.

trofeuMaterial apreendido com torcedores presos – Foto: Banda B

“Essas pessoas  estavam sendo investigadas desde o inicio do ano por tentativa de homicídio contra torcedores do Atlético. Na ocasião, eles atiraram e acertaram um torcedor no braço e os outros três alvos escaparam por sorte. Solicitamos ao juiz a prisão temporária e foi concedida. Agora vamos ver se a prisão temporária se transformará em preventiva ou se depois do prazo eles responderão em liberdade”, afirmou o delegado Clovis Galvão, da Demafe.

A polícia apreendeu várias camisas do Atlético e da torcida organizada do time rival. “Eles tomavam camisas e símbolos do time rival nas brigas e exibiam como troféu. Apreendemos também computadores, rádios e vários materiais. A maioria já tem passagem por tráfico”, disse o delegado.

Foram presos hoje Koji Scheneider Onaka, 19 anos, Mike Stuart Smik, 24 anos, e Wericson de Almeida, 22 anos. Está foragido Rafael Felipe, de 27 anos.

A operação tem como objetivo combater a violência, além de promover um trabalho preventivo para o Atletiba deste domingo (16).

ataque-jogoÔnibus foi depredado por torcedores – Foto: Colaboração Banda B

Emboscada

Ontem (12), por volta das 18h10, houve uma emboscada no Terminal Capão Raso entre torcedores do Atlético contra torcedores do Coritiba. Informações apuradas pela Banda B apontam que torcedores atleticanos teriam atacado o coletivo da linha Santa Cândida-Capão Raso com rojões e pedras. A ocorrência foi atendida pela Guarda Municipal. Ninguém ficou ferido e também nenhum torcedor foi detido. O ônibus depredado foi recolhido à garagem.

O confronto aconteceu no momento em que torcedores do Coritiba seguiam para a partida contra o Figueirense, no Couto Pereira, que começou às 19h30. A partida terminou em 0 a 0.

Nesta quinta-feira, a Demafe deve fornecer mais detalhes da operação Themis.