Sindicatos ligados aos trabalhadores de limpeza do Paraná ( Siemaco e  Feaconspar) solicitaram ao Governo do Estado que a categoria exposta a riscos tenha prioridade na vacinação contra o Covid. O pedido foi feito nesta terça-feira e, de forma imediata, o secretário da saúde, Beto Preto, garantiu que eles serão vacinados junto com os profissionais da saúde.

Durante a pandemia o serviço dos trabalhadores da limpeza (serventes, garis, porteiros, etc.) foi reconhecido como essencial no combate ao coronavírus. A atividade não foi interrompida e os funcionários de asseio e conservação assumiram a linha de frente juntamente com os profissionais da saúde no enfrentamento ao vírus.

“A nossa luta será para que todo profissional da limpeza seja vacinado o mais breve possível”, afirmou  Manassés Oliveira, presidente da Feaconspar,.

Manassés Oliveira com o secretário Beto Preto – Divulgação

Em atendimento ao pedido, a Secretaria de Saúde já informou que os funcionários da limpeza que trabalham em áreas como a hospitalar receberão a vacina junto com os profissionais da saúde e que os critérios dos demais trabalhadores da limpeza serão avaliados conforme o estoque de vacinas e grau de risco da função.