Durante o lançamento do Plano Nacional de Imunização contra a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, duas das principais medidas de prevenção foram desrespeitadas: distanciamento e uso de máscara.

O evento, realizado no segundo andar do Palácio do Planalto, contou com a participação do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), do ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, de governadores e parlamentares.

Foto: Isac Nóbrega/PR

A maior parcela das autoridades ignorou o distanciamento, sentando-se próximas umas às outras, trocando abraços e cumprimentos de mão.

A máscara também estava em desuso. Bolsonaro, Pazuello, o ministro-chefe da Casa Civil, general Braga Netto, o ministro da Secretaria de Governo, general Luiz Eduardo Ramos, o líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (Progressistas), o governador de Roraima, Antônio Denarium (PSL), por exemplo, não usaram o mecanismo de proteção facial.

Na contramão, os governadores Ronaldo Caiado (DEM), de Goiás, Renato Casagrande (PSB), do Espírito Santo, e Fátima Bezerra (PT), do Rio Grande do Norte, permaneceram de máscara durante a solenidade.

Para ler a matéria completa no portal Metrópoles, parceiro da Banda B, clique aqui.