O secretário da Saúde do Paraná (Sesa) Beto Preto pediu ajuda da população nas medidas de combate ao novo coronavírus. Em mensagem divulgada nesta sexta-feira (4), um dia após a publicação do novo decreto restritivo do estado, ele ressaltou que a crise está aguda e os hospitais estão sem leitos, principalmente em Curitiba e na região metropolitana da capital.

Para o secretário, as medidas são mais que importantes neste momento. No entanto, todas as ações tem o objetivo de ultrapassar o momento delicado que toda a sociedade paranaense e brasileira tem passado.

“Os pacientes estão sendo atendidos e assistidos nas unidades de pronto atendimento, mas também nos prontos-socorros dos hospitais. Porém, eles serão tratados de forma mais consolidada dentro dos hospitais. Hoje, os hospitais estão sem leitos, principalmente em Curitiba e na região metropolitana da nossa capital”, destacou.

Aglomerações

O secretário destacou também sobre a importância de evitar as aglomerações. Ele citou o decreto que estipulou o toque de recolher entre às 23h e 05h no Paraná para ressaltar que não somente neste horário que isto acontece.

“A aglomeração acontece sempre. Na frente de um bar, em um churrasco entre amigos. A aglomeração pode existir num inocente chá de bebe, de um casal que teve seu filho à pouco tempo. Nós precisamos entrar dentro da consciência e opinião pública para poder vencer este momento. Com muita seriedade e responsabilidade pedimos a colaboração de todos”, reforçou.

Assista ao vídeo completo:

Vídeo