A cirurgia bariátrica se popularizou no Brasil. Com técnicas mais seguras e descobrimentos novos, o procedimento tem critérios de execução e uma série de prioridades para ser realizado. A obesidade é vista hoje como uma doença multifatorial, que precisa de acompanhamento, mesmo depois de uma bariátrica, que – segundo o especialista Caetano Marchesini, diretor científico da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM) – é apenas o início de um tratamento.

Ouça a reportagem completa da repórter Elizangela Jubanski, que foi ao ar no Jornal da Banda B, 1ª e 2ª Edição.

 

 

Serviço
XX Congresso Brasileiro de Cirurgia Bariátrica e Metabólica
Data: 15 a 18 de maio
Local: Expo Unimed
Inscrições: www.congressobariatrica.com.br