Cientistas identificaram em uma mulher de Salvador o primeiro caso de reinfecção no Brasil com uma mutação do coronavírus encontrada inicialmente na África do Sul e que provoca preocupação mundial. A linhagem com a mutação da Bahia é a mesma identificada pela primeira vez no estado do Rio de Janeiro, cuja descoberta foi anunciada em dezembro.

A linhagem brasileira e a sul-africana são diferentes, mas compartilham a mutação E484K. As informações são do jornal O Globo.