Todas as 60 escolas municipais e 44 Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) de São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, estão com as aulas suspensas nesta quarta-feira (6). A medida é efeito dos problemas relacionados à falta de merenda nas unidades educacionais.

Segundo a prefeitura de São José dos Pinhais, os impactos na distribuição de alimentos nas escolas e CMEIs provocaram a antecipação do conselho de classe nas unidades. “Inicialmente programada para sexta-feira, 8 de dezembro, a reunião pedagógica será realizada nesta quarta-feira (6), medida excepcional que resultou na suspensão das atividades escolares de hoje”, informou a administração à Banda B.

A reportagem também questionou se as suspensões serão mantidas na quinta (7) e sexta-feira (8), mas a prefeitura não respondeu.

aulas-suspensas-são-jose-dos-pinhais
Todas as escolas municipais e CMEIs estão sem aula – Foto ilustrativa: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Na terça-feira (5), pelo menos 20 escolas e 44 CMEis tiveram as aulas suspensas devido à falta de comida, e os pais e responsáveis foram comunicados que deveriam buscar as crianças nas unidades. Os alunos já haviam ficado sem merenda na sexta-feira (1º), dia em que a nova empresa contratada para realizar o serviço deu início às atividades. A Objetiva Serviços Terceirizados Ltda. e a prefeitura assinaram um contrato em caráter emergencial no último dia 23 — sob o custo de R$ 24 milhões —, e o período de prestação de serviços é de 105 dias letivos.

A Objetiva informou ter apresentado um plano de ação para resolver a falta de merenda nas escolas e CMEIs (leia abaixo). O documento foi solicitado pela própria prefeitura. Além disso, o Ministério Público do Paraná (MPPR) expediu uma recomendação administrativa para que São José dos Pinhais reestabeleça imediatamente o fornecimento de merenda escolar aos alunos da rede municipal de educação.

A empresa destacou que “tais problemas não são resultantes de culpa exclusiva ou dolo desta prestadora de serviços, mas de fatos exorbitantes ao controle da empresa”. A Objetiva também informou que colocou 28 veículos de transporte a seu serviço, além de 44 profissionais dedicados à entrega de refeições. Diz ainda que 470 funcionários estariam em rotinas de 24 horas, na cozinha, divididos em 3 turnos, e nas escolas. Leia o comunicado completo mais abaixo.

Em meio aos problemas relacionados à falta de merenda, o secretário municipal de Educação de São José dos Pinhais, Aldrian Matoso, renunciou ao cargo. Não se sabe ainda quem ocupará o cargo deixado por ele.

O plano de ação da Objetiva

“A sociedade empresária acusa o recebimento da Notificação Extrajudicial n. 001 de 2023 da Prefeitura Municipal de São José dos Pinhais.

Em primeiro lugar, informamos que a empresa também compadece dos problemas logísticos e operacionais que resultaram na entrega problemática referente ao Contrato Administrativo Emergencial n. 409 de 2023. Contudo, ressaltamos que tais problemas não são resultantes de culpa exclusiva ou dolo desta prestadora de serviços, mas de fatos exorbitantes ao controle da empresa, relacionados à natural dificuldade em se assumir um contrato de natureza emergencial e, sobretudo, de enfrentar as dificuldades de uma transição de contrato em curto espaço de tempo.

Nesse sentido e primeiramente, ressaltamos que houve eventos adversos relacionados à logística da operação que, por esta empresa, notificados em protocolo de Boletim de Ocorrência junto à Polícia Civil do Estado do Paraná. Nesse sentido, notou-se, por exemplo, que embora a Objetiva tenha produzido todas as refeições, muitas sequer foram entregues e retornaram, em nosso entender, indevidamente.

Para fins de cumprimento de plano de ação requisitado pela Prefeitura, informamos o seguinte:

  • A empresa já colocou 28 veículos de transporte a seu serviço, além de 44 profissionais, especificamente para a entrega das refeições;
  • Atualmente, a empresa já se encontra com 470 funcionários contratados, em rotinas de 24h, na cozinha, divididos em 3 turnos, e nas escolas;
  • Em razão do recente acesso à infraestrutura das escolas e possibilidade de fornecer novos equipamentos a tais estabelecimentos, ordenamos a vinda de 3 caminhões com equipamentos e utensílios de São Paulo, que já se encontram a caminho de Curitiba;
  • Com relação à operação, reajustamos o planejamento de etiquetas e rotas para a expedição;
  • Contratamos 50 funcionários de cozinha, também em turnos de 24h, além da equipe de implantação que são 40 profissionais de atendimento, entre chefs de cozinha, nutricionistas, cozinheiros, estoquistas e profissionais de expedição;
  • Com tal staff, comprometemo-nos a fazer a entrega de 100 mil kits reforçados nutricionalmente para todas as escolas municipais, exceto CMEIS, mantendo a qualidade da refeição e a segurança alimentar, até o dia 13 de dezembro de 2023;
  • Para as CMEIS, garantimos que forneceremos todas as refeições conforme cardápio aprovado pelo Departamento de Alimentação aos alunos das CMEIS;
  • Nos dias 14 e 15, a alimentação será produzida integralmente para alunos das escolas em conformidade alimentar e gestão integral.

Enfatizamos que, com mais de 13 anos de atuação, a Objetiva é uma empresa especializada em alimentação, com produção diária acima de 200 mil serviços. Com uma equipe de nutrição capacitada, a escolha de ingredientes de qualidade, a segurança em todos os processos aliados à tecnologia, a Empresa une saber e sabor. A alimentação adequada e saudável nas escolas é aquela que compreende o uso de alimentos variados, seguros, que respeitem a cultura, as tradições e os hábitos saudáveis, contribuindo para o crescimento e desenvolvimento das crianças, assim como o rendimento escolar, em conformidade com a faixa etária. Objetivos com os quais estamos plenamente comprometidos.

CPI

A Câmara Municipal de São José dos Pinhais instalou uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar a falta de merendas na cidade. O anúncio foi feito pelo presidente da Casa, Allax Siqueira (PTB), na terça-feira (5).

O documento aprovado traz informações sobre a recente falta de merenda nas escolas e CMEIs, além da ausência de uniformes e transporte, assim como obras e reparos e vagas nas creches. A CPI será composta por cinco vereadores.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Falta de merenda: todas as escolas municipais e CMEIs de São José dos Pinhais têm aulas suspensas hoje

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.