Reprodução Agência Câmara

 

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), fez um questionamento ao deputado paranaense Stephanes Junior (PSD) que viralizou nas redes sociais. Na sessão desta terça-feira (7), Stephanes defendia o uso da hidroxicloroquina, quando foi interrompido por Maia com o seguinte questionamento:

– Você é médico?

Diante do questionamento, o deputado negou, mas explicou os motivos pelos quais estaria defendendo o uso do medicamento:

– Não! Mas eu tenho contato com o pessoal da área. Dirigi muito tempo uma empresa de medicina muito grande, que é a Amil. Fui diretor dela no Brasil todo. Estou em contato com o pessoal da Prevent Senior, estou em contato com o pessoal do Albert Einstein e do Sírio Libanês, que estão usando aqui no país. Vi a entrevista do médico dos Estados Unidos, com o Rudolph Giuliani, que tratou mais de mil pacientes com cloroquina e nenhum deles veio a falecer. O quanto antes a gente usar o medicamento, mas ajudará o país. É muito importante que tenhamos uma posição de usar já nos primeiros sintomas.

Stephanes se refere na fala ao médico Vladimir Zelenko, de Nova York. Em conversa com Rudolph Giuliani, Zelenko diz que hidroxicloroquina, azitromicina e outras drogas têm dado resultados positivos no combate ao coronavírus. Até o momento, porém, o tratamento proposto por ele não tem comprovação científica.

Confira o trecho da sessão da Câmara dos Deputados: