ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva teve sete recursos negados pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) nesta terça-feira (20/10).

A defesa contestou decisões anteriores do colegiado, pedindo a revisão das sentenças. Os pedidos foram indeferidos por unanimidade. O relator dos processos era o ministro Félix Fischer.

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Entre os recursos apresentados pelo advogado do ex-presidente, a defesa pedia acesso às conversas entre os procuradores e o então juiz Sergio Moro.

Os diálogos obtidos no âmbito da Operação Spoofing, de acordo com a defesa, apontariam suposta parcialidade do ex-ministro da Justiça e Segurança Pública no processo contra Lula.

Para ler a matéria completa no portal Metrópoles, parceiro da Banda B, clique aqui.