O relator da CPI da Covid, senador Renan Calheiros (MDB-AL), começou a leitura do relatório final da comissão. Renan afirma que o governo adotou no enfrentamento da pandemia do novo coronavírus uma “forma não técnica e desidiosa”.

Renan afirma que existiu um “descontrole da doença” no Brasil.

Brasília – O senador Renan Calheiros durante sessão da Comissão de Constituição e Justiça do Senado para apreciar e votar o substitutivo das propostas que definem os crimes de abuso de autoridade (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

“Após seis meses de intensos trabalhos, essa CPI da Pandemia colheu elementos de provas que demonstram que o governo federal foi omisso e optou por agir de uma forma não técnica e desidiosa no enfrentamento da pandemia do coronavírus”, afirmou.

Disse também que o governo expôs deliberadamente a população ao risco de contaminação, que existiu um gabinete paralelo que defendia a contaminação natural e que optou-se pelo tratamento precoce.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Calheiros diz que governo foi omisso e houve um “descontrole da doença” na leitura do relatório da CPI

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.