Por Pedro Caramuru
Boulos e Covas – reprodução

O atual prefeito de São Paulo e candidato à reeleição Bruno Covas (PSDB) tem 48% das intenções de voto do eleitorado paulistano contra 32% que disseram votar em Guilherme Boulos (PSOL), segundo pesquisa estimulada XP/Ipespe divulgada nesta quarta-feira, 18 – a primeira desde que foram definidos os candidatos a irem para o segundo turno. Brancos e nulos são 15% e não souberam responder 5%. A margem de erro da pesquisa é de 3,5 pontos percentuais para mais ou menos.

De acordo com a pesquisa, a rejeição a Boulos é de 42% contra 35% de rejeição a Covas. O atual prefeito é o principal receptor dos votos que foram depositados para Márcio França (PSB) no primeiro turno – 47% contra 31% para Boulos -, Celso Russomanno (Republicanos) – 45% a 6% – e Arthur do Val (Patriota) – 68% a 5%. Boulos, por outro lado, é herdeiro dos eleitores de Jilmar Tatto (PT) – 72% a 20%.

Houve um estreitamento da diferença entre os dois candidatos. Na pesquisa simulada de segundo turno realizada antes da divulgação do resultado, entre 9 e 10 de novembro, Covas tinha uma margem maior sobre Boulos – 55% contra 24%. Segundo pesquisa de hoje, a diferença caiu para 16 pontos percentuais.

A pesquisa ouviu 800 eleitores paulistanos entre os dias 16 e 17 de novembro e tem nível de confiança de 95%. O registro foi feito na Justiça Eleitoral sob SP-06628/2020.