(Foto: AEN)

O Governo do Paraná anunciou, na tarde desta terça-feira (22), a contratação de uma auditoria externa para enxugar a folha de pagamento do Estado. A intenção, de acordo com o governador Ratinho Jr, é gerar uma economia de 2% ao ano nos cofres públicos, em um valor aproximado de R$ 500 milhões ao ano.

Ainda de acordo com o governador, a auditoria deve durar em torno de seis meses. “A Secretaria de Administração vai lançar um edital de licitação para fazer uma auditoria na folha de pagamento dos ativos e inativos. É uma medida importante para a contenção de custo e redução de contratos. Queremos rever furos e pagamentos de duplicidades”, disse Ratinho.

O governado passou mais detalhes de como será a auditoria. “Será um pregão eletrônico, com um investimento necessário, porque dá uma margem importante no peso do volume de recursos, chegando a 2% da folha. Tudo terá que estar dentro da legalidade. Outra questão também será uma auditoria de frequência, para evitar que exista o servidor que finge que trabalha”, concluiu.