Candidato pelo PDT à Prefeitura de Curitiba, o deputado estadual Goura defende uma gestão totalmente integrada com a região metropolitana e a implantação de uma cultura da bicicleta na capital paranaense. O professor de Yoga, que tem uma carreira curta e de sucesso na política – eleito vereador e deputado no período de quatro anos – , foi o entrevistado desta quinta-feira (22) na série de entrevistas da Banda B, conduzida pelo apresentador Paulo Sérgio Debski.

“Tenho um compromisso de quatro anos de mandato se eleito e penso em uma Curitiba com redução da desigualdade, preservação do Meio Ambiente e integração metropolitana completa: na habitação, mobilidade e abastecimento. O que falta muitas vezes é uma vontade política para as necessidades urgentes da cidade”, afirmou Goura, que foi vereador por dois anos de Curitiba e em seguida foi eleito deputado estadual. “Não sou politico profissional. Apresento meu nome com humildade e, se a população entender assim, estou pronto para isso”, completou.

Goura em entrevista ao apresentador Paulo Sérgio (Foto: Reprodução)

 

Além da integração metropolitana, Goura defende uma ‘cultura da bicicleta’, onde o veículo se torne um protagonista na mobilidade urbana. “A bicicleta tem que fazer parte do dia a dia na cidade. Ela até já faz, mas não está nas politicas públicas com a devida atenção. Uma mobilidade sustentável tem que priorizar pedestre, acessibilidade, transporte coletivo e bicicletas. Temos apenas 200 km de ciclovias com mais de 4 mil km de vias. Precisamos pensar em uma ‘cultura da bicicleta’, que é o respeito no trânsito. Os ciclistas saberem quem tem direitos e deveres e a prefeitura fazer com que isso aconteça”, defendeu o pedetista.

Sobre o fato das bicicletas compartilhadas não terem dado o resultado esperado em Curitiba em 2019, o candidato afirmou que isso aconteceu por falta de apoio da prefeitura. “Bicicletas compartilhadas são uma realidade no mundo inteiro e aqui a prefeitura não agiu de forma ativa. A iniciativa privada agiu sem se criar a devida estrutura. A Cândido de Abreu, por exemplo, tem 12 faixas para automóveis, mas calçadas estreitas e nenhuma infraestrutura ciclo viária”, apontou.

Goura defendeu uma ‘cultura da bicicleta’ para Curitiba

Empregos, agricultura urbana e habitação

Ainda durante a entrevista, Goura defendeu a descentralização da economia, com apoio maior às micros e pequenas empresas. “Minha proposta é descentralizar e fortalecer o comércio dos bairros e a economia sustentável. Liberação de créditos e, por compras públicas, dar recursos a pequenos e médios empresários da cidade. Ajudar quem está na informalidade para que venham à formalidade, como no caso dos ambulantes. Dar oportunidades para aumentar as rendas dos empreendedores”, disse.

Goura também defendeu mais investimento na habitação. “A atual gestão investiu 0,1% nas política de habitação, com mais de 40 mil pessoas na fila Cohab e 350 favelas na cidade. A moradia precisa ser um tema central. Foram dados milhões para empresários do transporte coletivo ao invés de trabalhar na redução da tarifa. Faltam prioridades e uma escolha política mais sensível às necessidades da população”, disse.

Autor da Lei Municipal da Agricultura Urbana, o candidato defendeu um fortalecimento da agricultura orgânica. “Curitiba não tem mais zoneamento rural, sendo 100% urbana. Dependemos muito do cinturão verde da região metropolitana, com 15 mil produtores e 10% deles agroecológicos. Precisamos fortalecer que Curitiba precisa integrar uma matriz agroecológica, sem agrotóxicos e com um custo baixo de produção e assistência técnica para ela. Defendo que 100% da merenda seja orgânica, oriunda da agricultura familiar”, ponderou.

Fruet

Questionado sobre o que faria diferente que o também pedetista Gustavo Fruet, que não conseguiu a reeleição em 2016, Goura citou o boicote que o colega de partido sofreu durante a gestão. “Fruet foi boicotado pelo governador Beto Richa, que foi o grande aliado do Greca. Repasses não vieram, desintegração do transporte coletivo por uma briga política que prejudicou toda a população curitibana. Vou fazer o que ele fez de bom, que foi valorizar servidores e educação pública” concluiu o candidato.

Saiba aqui a ordem das próximas entrevistas.

Vídeo

Acompanhe a entrevista de Goura, candidato do PDT, na íntegra: