A Assembleia Legislativa do Estado do Paraná realiza nesta terça-feira (27) uma sessão solene para entregar o Título de Cidadã Honorária do Estado do Paraná à ex-governadora, Cida Borghetti.

image-12-29
Divulgação

A sessão deve reunir centenas de amigos, familiares, empresários e lideranças políticas do Paraná e de outros Estados. Também estarão presentes e ex-colegas de Cida Borghetti da Assembleia Legislativa, Câmara Federal, Governo do Estado e Itaipu Binacional. A cerimônia está marcada para às 18 horas, no Plenário da Casa.

“Uma honraria mais que merecida por sua brilhante trajetória de realizações em prol do nosso Estado”, afirmou Adriano José. “Cida desempenhou o cargo de governadora de forma exemplar, com diálogo, ética e transparência. Entrou para a história também como a primeira mulher a governar o estado. Este título reflete o apreço e admiração conquistados junto à Assembleia e toda nossa população”, completou o parlamentar.

Biografia

Maria Aparecida Borghetti é natural de Caçador (SC). Empresária e jornalista, Cida Borghetti é formada em Administração Pública pela Universidade do Sul de Santa Catarina (UNISUL), especializada em Políticas Públicas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Cida Borghetti iniciou a vida política como militante do PDS Jovem. Foi presidente voluntária do Programa do Voluntariado Paranaense (PROVOPAR) de Maringá. Também atuou como Chefe do Escritório de Representação do Paraná em Brasília, entre os anos de 1998 e 2000, durante o governo de Jaime Lerner.

Em 2000, Cida Borghetti concorreu à prefeitura de Maringá. Dois anos depois, ela se elegeu deputada estadual, reelegendo-se em 2007 para o segundo mandato. Foi recordista de leis aprovadas e sancionada na Assembleia Legislativa, quando teve uma forte atuação em campanhas de combate ao câncer de mama e na saúde preventiva.

Em 2011, foi a mulher mais votada na disputa pela Câmara Federal. Presidiu a Comissão que aprovou o Marco Legal da Primeira Infância, a legislação mais avançada no mundo na proteção às crianças de zero a seis anos.

Em 2014, Cida Borghetti foi candidata a vice-governadora na chapa de reeleição do então governador Beto Richa. Em abril de 2018, se tornou a primeira mulher a governar o Estado do Paraná.

A frente do Governo do Estado, Cida Borghetti adotou o diálogo franco com todos os setores da sociedade. Liberou R$ 8,7 bilhões para investimentos nas mais diversas áreas atendendo todos os 399 municípios do Paraná, sem distinção partidária.

Também iniciou com o Governo Federal as tratativas e assinou o convênio para a construção da segunda ponte entre o Brasil e Paraguai; criou a divisão de Combate à Corrupção; ampliou a Patrulha Maria da Penha; iniciou o projeto do Condomínio do Idoso e colocou no ar o Governo Digital que integrou milhares de serviços para facilitar a vida do cidadão.

Em 2019, foi indicada por unanimidade para ser a embaixadora da Organização Mundial da Família na América do Sul e em maio de 2021, Cida Borghetti foi nomeada, pelo então presidente Jair Bolsonaro, Conselheira da Itaipu Binacional.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Ex-governadora Cida Borghetti vai receber título de Cidadã Honorária do Paraná

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.