Do Catve.com

Ex-candidato a governador e atual candidato a prefeito de Foz do Iguaçu, Túlio Bandeira (Pros) foi preso na manhã desta quarta-feira (14) acusado de associação criminosa. O mandado de prisão preventiva foi cumprido pela Polícia Civil do Mato Grosso, com apoio da Polícia Civil do Paraná. A polícia informou que a prisão se deve a uma acusação de crime cometido na cidade de Brasnorte, no Mato Grosso.

tulio(Foto: Reprodução Facebook)

Túlio Bandeira cumpria compromissos de campanha quando foi detido e levado para a Delegacia da Polícia Civil em Foz do Iguaçu, onde será ouvido. Conforme a assessoria de imprensa da Polícia Civil, não está descarta a possibilidade de transferência para o Mato Grosso. Túlio tem 43 anos é advogado, formado pela Faculdade de Direito de Curitiba. Foi candidato a deputado estadual, em 2002, e a governador, na última eleição. Não se elegeu em nenhum dos pleitos.

Informações dão conta que Túlio fazia parte de uma quadrilha que invadia e expulsava assentados do Movimento de Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) em Brasnorte (MT).

Até o momento, a assessoria do candidato não se pronunciou sobre o caso.

Para mais informações sobre a Região Oeste do Paraná clique aqui.