O caso da deputada federal Flordelis dos Santos, acusada de ser a mandante da morte do marido, o pastor Anderson do Carmo, ganhou mais um capítulo. A parlamentar foi denunciada novamente: desta vez, por duas netas que a acusam de maus-tratos.

Raquel Silva e a irmã, uma adolescente de 16 anos que não teve o nome revelado, são filhas de Carlos Ubiraci, filho afetivo de Flordelis. Elas prestaram depoimento à polícia em novembro. As informações são do jornal Extra.

 

A deputada federal Flordelis, fala sobre a morte de seu marido, o pastor Anderson do Carmo.

 

De acordo com o veículo de comunicação, as jovens moravam com o pai em uma casa independente no mesmo lote de Flordelis. No entanto, após desentendimentos, foram expulsas do local. Uma delas afirmou à Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo (DHNSG), no dia 11 de novembro, que foi chamada de “lixo” pela parlamentar.