Reprodução Google Street View

Uma eleitora foi presa por agredir uma mesária durante a votação para o segundo turno, neste domingo, 28, em Porto Alegre Segundo o jornal Zero Hora, a ocorrência foi registrada no Colégio Concórdia, bairro São Geraldo, zona norte da capital gaúcha.

De acordo com informações da Brigada Militar, a eleitora se negou a apresentar o documento de identificação no momento do voto, sendo impedida pela mesária de votar. A mulher não aceitou a negativa e iniciou uma discussão, agredindo a mesária. As duas foram encaminhadas ao Foro Central, e a agressora assinou um termo circunstanciado. Até às 12h, cinco prisões relacionadas às eleições foram registradas no Rio Grande do Sul.