O depoimento de Sérgio Moro à Polícia Federal (PF) de Curitiba chamou a atenção da mídia nacional e dividiu grupos favoráveis e contrários ao ex-ministro da Justiça e Segurança Pública. Ao longo do sábado (2), foram várias as imagens que chamaram a atenção das redes sociais, como é o caso do bate-boca entre os grupos e até mesmo uma camiseta do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Camiseta de Lula chamou a atenção nas redes sociais (Reprodução)

E foi durante a tarde, enquanto os manifestantes proferiam palavras em direção à Polícia Federal, que camisetas do ex-juiz da Lava Jato chegaram a virar fogueira. Vídeo enviado à Banda B neste domingo mostra o momento em que um grupo de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro incendeiam camisetas de Moro.

Durante as imagens, é possível ouvir gritos de “traidor”, “Foro de São Paulo” e “comunista”.

Confira o vídeo:

Na semana passada, logo após a saída de Moro do ministério, o grupo intitulado ‘Acampamento com Bolsonaro’ já havia colocado fogo em camisetas com o rosto dele.

Moro concluiu seu depoimento após ficar mais de oito horas na sede da Polícia Federal. Ele foi ouvido no inquérito que apura as acusações que fez ao sair do governo Jair Bolsonaro. O ex-ministro chegou ao bairro Santa Cândida por volta das 13h15, mas entrou pelos fundos. O depoimento começou por volta das 14h e acabou perto das 22h.

Comunicar erro

Comunique a redação sobre erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página.

Depoimento é marcado por gritos de “comunista” contra Moro e até mesmo camiseta de Lula

OBS: o título e link da página são enviados diretamente para a nossa equipe.