Com 48 votos favoráveis e seis abstenções, o deputado Ademar Traiano (PSDB) foi reeleito para seu quarto mandato como presidente da Assembleia Legislativa do Paraná. O novo mandato começa em fevereiro de 2021. Os deputados Luiz Claudio Romanelli (PSB) e Gilson de Souza (PSC) seguem à frente da primeira e segunda Secretarias, respectivamente, pelo segundo mandato.

Foto: Divulgação Alep

Para Traiano, a reeleição é resultado das inovações realizadas pelo Poder Legislativo e “fruto da unidade e construção de todo um grupo que trabalha pelo bem do Paraná. “Continuaremos trabalhando sempre com o respeito, a harmonia e buscando a construção de pontes permanentes. Estamos fazendo com que a Assembleia Legislativa seja uma das mais importantes da Federação com medidas que podem avaliar nosso trabalho e fortalecer cada parlamentar que aqui está. E esse continua sendo nosso objetivo e dar uma nova identidade para que a população possa passar a enxergar o Poder Legislativo com mais respeito”, disse.

Traiano falou ainda sobre a dificuldade de administrar um Poder nesse período delicado para todos, a pandemia do coronavírus. “Este ano e meio que estamos no comando da Assembleia vivemos experiência de toda a ordem, sempre afirmo que imagino que nenhum presidente da Casa viveu o que vivi. Crises, invasões, praticamente criando impasse de toda a ordem quando da votação da reforma administrativa, da reforma fiscal, da reforma da previdência e tive, nesse período, que gerenciar crises permanentes ao longo desses 6 anos à frente do Poder Legislativo. Nesse período é um momento atípico, onde tivemos que nos reinventar visando sempre o interesse comum. A Assembleia deu a sua contribuição, foi ao limite do que poderia ser feito para dar a segurança jurídica para todas as medidas fundamentais principalmente nesse período de pandemia para socorrer a vida de todos os paranaenses”, concluiu.

A novidade na composição da Mesa Executiva é a indicação do deputado Tercílio Turini (CDN) como primeiro vice-presidente, atualmente ele ocupa a função de segundo vice-presidente. O novo nome e que assumirá a função de segundo vice-presidente é o deputado Do Carmo (PSL). Como terceiro vice-presidente permanecerá o deputado Requião Filho (PMDB).